mulher.

.

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Oi, eu sou Deus.

       Sou Deus mesmo.
Aquele que criou os céus, a terra e toda a natureza animal e vegetal. Criei o homem, acredita? Sabia que o criei a minha imagem e semelhança? Você se parece comigo, posso perceber os traços que são fortes. Até sua personalidade, já tão deturpada, é original da minha.
É muito triste ouvir de algumas pessoas que você tem procedência animal. Acha que primeiro eu ia fazer o macaco para depois evoluir até virar seres racionais? Que tristeza! Tentam tirar o meu mérito e a glória de minha maior e melhor criação!
Você acredita que eu mandaria meu único e amado filho Jesus para sofrer e levar sobre si culpa, pecados e morrer na cruz para salvar... descendentes de macacos? Você sorriu? É, isto soa estranho mesmo!
Você ficaria abismado com o que eu ouço dos homens... , estudam, tramam, discutem e,imagine, querem descobrir como eu fiz a Eva! Você não pensa se eles não têm nada melhor para fazer? Eu sei... conheço o pensamento de cada um deles... seus desejos... e, principalmente, suas ambições. São inteligentes, mas falta a cada um deles a minha sabedoria .
Já permiti aos homens conhecerem a cura de todos os tipos de câncer, da aids e outras doenças. Eles só não descobriram ainda porque vão por caminhos errados. Vão atrás de suas ambições pessoais. Não unem esforços a favor de propósitos nobres, mas, cada um trabalha pensando em sua própria glória. Glória...! isto pertence a mim, sabia? Porque eles não se contentam com o reconhecimento e o valor da descoberta?
Não, não é o suficiente! Eles precisam ter como resultado a glória e a consagração.
Glória e consagração. Isto importa a todo mundo, não é? Alguns sabem a quem pertence. Estes são os que, como você, me conhecem. São os meus filhos.
Outros brigam, devoram-se, tentam crescer, subir e chegar a mim. Acredita que eles querem se igualar a mim?
E, minha filha, eu os permiti conhecer os mistérios da ciência, mas eles não se contentam e querem mais. Dizem coisas absurdas daquilo que para mim é tão simples. Se eles soubessem que os meus caminhos são os mais curtos, minhas respostas mais objetivas, minhas fórmulas as mais simples... Eles nem iam acreditar que eu sou Deus, porque para eles tudo tem que ser difícil e complicado. Muitos deles sequer acreditam que eu existo. Sabe por quê? Isto seria admitir que alguém acima deles seja realmente dono da "honra" e de toda "glória". Admitir que alguém tem mais poder, inclusive sobre a vida. Você já pensou que para eles é difícil acreditar que a vida me pertence? No dia em que eu soprei nas narinas de Adão, foi bom, muito bom. Tive uma sensação gostosa como ninguém jamais sentiu. Foi diferente dar a vida ao homem: foi um prazer inigualável. As vidas animal, vegetal e angelical não saíram de mim; eu criei uma vida e os dei, mas a vida do homem,esta saiu de mim. Não criei uma vida, mas tirei um pouquinho de mim, de dentro de mim e dividi com o homem. Será que minhas criaturas são capazes de criar e dar vidas como eu a dei? Diga a eles que soprem como eu soprei. Quem sabe, dá certo. Comigo deu. Eu falo, eu faço.

SEU DEUS!

Autora: Damaris Lisboa

2 comentários:

  1. .

    Oi Irmã Damaris ,
    .

    Passei para deixar as Boas Vindas Vindas, em nome da União de Blogueiros Evangélicos.

    Parabéns pelo Blog e sua atitude de se tornar um publicador de conteúdo cristão na WEB.

    Vou deixar três links para que conheça um pouco mais da UBE.

    Manual de Orientações: Manual de Orientações da UBE.

    Dicas para Blogar Curso de Blogs


    João Cruzué
    Administração da UBE

    .

    ResponderExcluir
  2. Graça e paz!
    Vim conhecer seu Blog e tive uma grata surpresa, pois é muito boa sua iniciativa.
    Já estou seguindo.
    Venha dar a honra de sua visita no PASTORAGENTE.BLOGSPOT.COM e, se quiser seguí-lo, vai ser uma alegria para mim.
    Lá eu exponho da forma mais realista e divertida possível as situações, dúvidas, experiências ministeriais e pessoais de uma mulher simples como eu.
    Fique na paz e que o Senhor abençôe você e toda sua família.
    Abração!!!

    ResponderExcluir